Prefeitura de Curitiba economiza com carros elétricos

Os dez veículos puramente elétricos que integraram a frota da Prefeitura em junho, dentro do projeto Ecoelétrico, geraram uma economia de 83% no custo com combustíveis, comparando ao que seria gasto se tais automóveis fossem movidos à gasolina. 
Foto: Luiz Costa

São dez veículos que circulam desde junho em parceria com montadoras

A Prefeitura de Curitiba (PR) economizou 83% com combustível de dez veículos de sua frota. Os dez veículos são puramente elétricos e estão em circulação desde junho, como parte do projeto Ecoelétrico. Em dois meses, a economia com combustível somou R$ 4,6 mil  e foram gastos R$ 791 em energia elétrica necessária para que os carros percorressem mais de 15,8 mil quilômetros.

A coordenadora do projeto Ecoelétrico na Prefeitura, a vice-prefeita e secretária do Trabalho e Emprego, Mirian Gonçalves, disse que se o projeto fosse ampliado para 10% da frota da Prefeitura, a economia, considerando o mesmo período de operação, poderia chegar a R$ 182,4 mil.

Os dados ambientais também são positivos. O uso desses carros poupou a emissão de duas toneladas de CO2 na atmosfera de Curitiba e economizou 1.582 litros de gasolina, o que equivale a dez barris de petróleo. “É um projeto que tem a cara de Curitiba, inovador, sustentável e que agrega valor ao Município”, afirma Mirian Gonçalves.

O projeto faz parte do plano de governo da atual gestão, dentro do programa Curitiba Mais Inteligente, que procura inovação para a melhoria do serviço público.

A frota municipal de veículos elétricos não gera custos à Prefeitura. Um contrato de comodato foi firmado por dois anos entre os parceiros do projeto Aliança Renault-Nissan, Itaipu Binacional e Ceiia e compreende ainda a assistência técnica da Renault 24 horas. O projeto é considerado a primeira ação da capital paranaense visando o cumprimento das recomendações do termo de compromisso para a redução das emissões de gases e de riscos climáticos, assinado pelo prefeito Gustavo Fruet, durante a conferência C – 40, em Johanesburgo, África do Sul.

Os dez veículos em operação (cinco Zoe, três Kangoo e dois Twizy)  são utilizados pela Guarda Municipal, Secretaria de Trânsito, pelo Instituto Curitiba de Turismo e pelo gabinete do prefeito.

Frota pública

O Ecoelétrico é o maior projeto de veículos puramente elétricos do país destinados à frota pública. Constituído em parceria entre a Prefeitura de Curitiba, Itaipu Binacional, Aliança Renault-Nissan e CEIIA (Centro para Excelência e Inovação na Indústria Automóvel), de Portugal, o projeto atende às demandas do município em seu programa de mobilidade urbana sustentável.

Todo o sistema pode ser monitorado online, pelo site do programa , pelo qual os interessados podem verificar as atualizações de indicadores sobre o CO2 poupado, energia consumida, número de viagens e distâncias percorridas. Já estão em desenvolvimento novos indicadores que devem agregar ainda mais informações sobre a operação do projeto.

Fonte: Prefeitura de Curitiba