Tag: LAZER

Fica 2017-600

Fica 2017 tem programação variada

Festival terá 100 filmes em mostras diversas. Além de cinema, mesas redondas, mini-cursos e apresentações musicais são atrativos para público

Deivid Souza

 

Começa nesta terça-feira (20) e segue até domingo (25), na cidade de Goiás, na Região Norte do Estado, o 19º Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica 2017). Na mostra principal, 25 filmes concorrem à premiação total de R$ 280 mil.

Além da mostra competitiva, em que serão apresentados os 25 filmes, sendo 15 estrangeiros e 10 ambientais, o evento têm várias exibições paralelas, shows, mesas redondas, oficinas e mini-cursos, entre outras atividades.

O tema do Fica 2017 é “Cidades sustentáveis: Os Desafios do Século XXI”. A escolha está relacionada ao fenômeno da urbanização e a falta de planejamento que tem resultado em graves problemas ambientais e sociais inter-relacionados.

Os filmes do festival, que é realizado pelo Governo de Goiás, tratam de temas variados. O público poderá acompanhar títulos como Tarja-Preta, que trata da cidade Itacuruba (PE), onde existe a maior incidência de casos de depressão no País. Do Irã, Roozegari Hamoun conta a história da secagem de um lago e as consequências para a população vizinha do manancial.

O principal local de exibição da mostra competitiva é o Cineteatro São Joaquim, que foi reformado e entregue à comunidade vilaboense no início de junho.

Duas mostras competitivas, também prometem agradar o público. A Associação Brasileira de Documentaristas e Curta-Metragistas promoverá exibições com premiação de R$ 130 mil. A empresa de saneamento de Goiás, Saneago, patrocina uma mostra sobre água. A premiação é de R$ 30 mil.

O Governo de Goiás também oferece premiação de R$ 130 mil para os 20 filmes que concorrem na Mostra da ABD – Cine Goiás e de R$ 30 mil na Mostra da Saneago.

Apesar dos shows musicais ainda atraírem boa parte do público, nos últimos anos a organização do Fica se preocupou em dar foco à mostra. Por este motivo, as apresentações musicais estão voltadas para atrações locais, embora o último artista a subir ao palco seja o sambista Diogo Nogueira.

Convidados

O Fica 2017 terá a presença da atriz Dira Paes, do jornalista André Trigueiro (Globo News), que vai lançar o livro Cidades e Soluções, e de grandes cineastas como José Luiz Villamarim, Eduardo Escorel, Manoel Rangel.  O tema Cidades Sustentáveis – Os Desafios do Século XXI será debatido em cinco mesas durante o Fórum Ambiental. O júri da Mostra Competitiva será composto apenas por mulheres, grandes profissionais como Ilda Santiago, Marília Rocha, Sandra Kogut, Dora Jobim e a norte-americana Michelle Stethenson.

Os vencedores do Fica 2017 devem ser conhecidos no final da manhã do domingo (25).

Acesse a programação completa no site do evento.

 

 

 

Piar da juriti

Livro sobre Cerrado é a dica de leitura para fim de semana

Uma viagem pelo tempo no Cerrado. Esta é a proposta do livro O piar da Juriti Pepena – Narrativa Ecológica da Ocupação Humana do Cerrado –dos autores: Altair Sales Barbosa, Pedro Ignácio Schmitz S.J., Antônio Teixeira Neto e Horieste Gomes.

O título conta como foi o processo de formação do bioma Cerrado, lista vários animais que povoaram este espaço no passado, lista tribos que habitaram o local, frutas e muito mais. O exemplar é uma oportunidade de entender porque o Cerrado é dono de tamanha biodiversidade, aprender um pouco de história e cultura do Centro-Oeste.

Um dos autores, Altair Sales, dedicou a vida a pesquisar o Cerrado. Hoje professor aposentado da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO), é uma das maiores autoridades mundiais no bioma. Vale lembrar, ele é o idealizador do Memorial do Cerrado, que já falamos aqui outras vezes.

O livro é rico em figuras, e isso é importante para compreender como se deu o processo de amadurecimento do bioma.  O título é da Editora PUC-Goiás, onde comprei o meu.  Boa leitura!

Por Deivid Souza

Livraria PUC-GO: 62 3946 1080.

Fica 2017

Festival de cinema ambiental começa no próximo dia 20

Deivid Souza
A décima nona edição do Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica 2017) será realizada entre os dias 20 e 25 de junho na cidade de Goiás. A mostra que se concretizou como uma das mais importantes no mundo, no segmento ambiental promove este ano uma reflexão sobre a qualidade de vida nos centros urbanos como o tema: Cidades Sustentáveis.

Como tem acontecido nos últimos anos, o Fica tem dado mais foco para o cinema, em detrimento das atrações artísticas. Em 2017 serão oito mostras de cinema e 25 filmes competindo só na oficial. O número de lugares e as horas de projeção, que  serão em DCP (Digital Cinema Package), foram ampliados.

Esse ano, a abertura do Fica será com o filme Caminho do Mar, dos diretores Bebeto Abrantes e Juliana Albuquerque. O filme faz sua estreia mundial e sua primeira exibição será na cidade de Goiás. A produção fala sobre o Paraíba do Sul, um rio desconhecido e estratégico para o Brasil.

Césio 137

Além da Mostra Competitiva, Mostra ABD Cine Goiás, Mostra Paralela e Fica Animado, Mostra Infantil de Filmes com Áudio Descrição ( inclusiva) e da Mostra da UEG, a programação terá uma mostra especial sobre a água em parceria com a Saneago, e a Mostra Uranium, em memória dos 30 anos do acidente com o Césio 137.

O Fica 2017 terá a presença da atriz Dira Paes, do jornalista André Trigueiro (Globo News), que vai lançar o livro Cidades e Soluções, e de grandes cineastas e ambientalistas. O júri da Mostra Competitiva será composto apenas por mulheres,  grandes profissionais como Ilda Santiago, Marília Rocha, Sandra Kogut, Dora Jobim e a norte-americana Michelle Stethenson.​

O Fica é promovido pelo Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Educação, Cultura e Esporte (Seduce).

meia-maratona-cataratas

Abertas inscrições para Meia Maratona das Cataratas

Uma das corridas de rua mais queridas e tradicionais do Brasil, que recebe milhares de participantes de diversos locais do País e conta também com a presença de muitos estrangeiros, todos amantes do esporte e da natureza, a 10ª Meia Maratona das Cataratas está com inscrições. Elas podem ser feitas até o dia 26 (Veja abaixo).

Somado ao desafio esportivo, a meia maratona do Parque Nacional do Iguaçu busca promover a integração das pessoas com as áreas naturais e despertar a importância para a conservação da biodiversidade.

A décima edição do evento, em 4 de junho, fará parte das atividades da unidade de conservação federal em comemoração à Semana Mundial do Meio Ambiente.

Este ano, a meia maratona oferece aos participantes uma novidade: o percurso de 8 quilômetros, além dos tradicionais 21 quilômetros. A ideia é possibilitar que mais pessoas, mesmo que seja para uma leve caminhada com os amigos, também possam participar deste grande evento ecoesportivo e curtir um momento mágico junto com a natureza.

Serviço:

. Para mais informações e inscrição no evento, clique aqui

. Saiba mais sobre o Parque Nacional do Iguaçu

Do ICMBio / Foto: Divulgação

Fica 2017

Documentários lideram inscrições no Fica 2017

Entre os filmes inscritos, 190 são nacionais e 175 internacionais

O Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental – Fica 2017 – recebeu 365 filmes, sendo 190 nacionais e 175 internacionais. Agora, eles passam pela seleção de um júri especializado e as melhores obras ambientais serão exibidas na Mostra Competitiva do festival e vão concorrer a R$ 280 mil em prêmios, a maior premiação do gênero na América Latina.

O número de filmes recebidos esse ano superou o do ano passado, quando o Fica 2016 recebeu 356 obras. Os documentários continuam sendo o gênero que mais envia filmes para o festival. Esse ano, o Fica recebeu a inscrição de 234 documentários, 74 obras de ficção e 55 obras de animação.

Entre os filmes inscritos, 190 são nacionais e 175 internacionais. No total, o Fica 2017 recebeu filmes de 22 estados brasileiros e de 46 países.

Entre os nacionais, Goiás foi o que enviou o maior número de produções, com 45 filmes, seguido por São Paulo (29), Rio de Janeiro (23) e Minas Gerais (14). Entre os internacionais, o maior número de inscritos vem da França, com 27 filmes, seguidos pela Alemanha (16), Rússia (18) e Estados Unidos (13).

O Fica é realizado pelo Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Educação, Cultura e Esporte (Seduce). A edição 2017 traz o tema Goiás Patrimônio da Humanidade, celebrando os 15 anos do título concedido ao município pela Unesco. O festival vai ser realizada de 20 a 25 de junho, na Cidade de Goiás.

Da Seduce

Disco Xepa

DiscoXepa: evento lembra importância do combate ao desperdício de alimentos

Evento a ser realizado no próximo dia 29 reúne culinária, música e oficinas de cultivo. Aproximadamente 30% dos alimentos produzidos no mundo vão para o lixo

Deivid Souza

No próximo dia 29, Goiânia recebe mais uma edição do DiscoXepa, evento que culinária e outras atividades para lembrar a importância do combate ao desperdício de alimentos. Estão programadas para o evento: degustação de receitas preparadas por chefs a partir exclusivamente de alimentos da xepa, apresentações de músicos e djs, oficinas de horta em vasos, pintura em vasos e compostagem. O local das ações será a Praça da T-49, no Setor Bueno.

Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), a cada três quilos de comida produzida no mundo, um vai para o lixo. Para mudar esta realidade, empresas e instituições investem em ações. Enquanto isso no Brasil aproximadamente 7 milhões de pessoas não têm o que comer.

O DiscoXepa é realizado por um grupo de voluntários, com a coordenação do Slow Food Ipê. Em Goiânia e em outras cidades do mundo, onde há convívios do Slow Food o evento se repete este ano. Na capital, as atividades acontecem na manhã do sábado (29).

Primeira edição

A primeira edição do DiscoXepa em Goiânia foi realizada no ano passado. No evento, estiveram presentes renomados chefs goianos como Emiliana Azambuja, Pedro Melo e Carol Morais.